sábado, 20 de julho de 2013

Capítulo 4 - Emprego?

cp 4

- Volte antes da meia noite, Joseph.- Rubia ordenou. - Demetria, passe o açúcar por favor? - sem pestanejar, a garota obedeceu.
Demetria perdera Joseph de vista. E só se deu por vencida quando ouviu o portão bater.
- Meu afilhado se encontra meio perturbado esses últimos dias. - a explicação da mulher foi direta. - Então, terminou os estudos?
- Sim.
- Qual profissão pretende seguir?
- Gostaria de realizar mais estudos fora do país.
- Entendo. Como vir trabalhar aqui te ajudaras?
- Preciso ter carreira em outras profissões e recursos financeiros. Trabalhando aqui já adquiro experiencia, sem contar com a ajuda econômica.
- Esperta.
- Obrigada.
- Sra. Weasly contou-me...
- Sim, sou um desastre. Porém, a unica coisa que sei fazer em forma de trabalho brutal é limpar. Isso eu garanto para a senhora. Não tenho um vocabulário extenso, não possuo boas maneiras avançadas, mas tenho um sonho. A distância entre sonho e conquista chama-se atitude e eu farei de tudo para alcança-lo, trabalhar aqui me ajudara, além de me por em contato com pessoas de alta classe. Se a senhora me admitir não irá se arrepender. - por fim Demetria se serviu com um gole de chá de camomila.
- Quando pode começar?
O sorriso no rosto da jovem era tão evidente e verdadeiro que iluminou todo o jardim.
- Quando a senhora permitir.
- Amanhã as 7 da manhã. Te espero aqui.
- Estarei presente.
- Entenda, você não possui olhos nem ouvidos quando entra nesta casa, tudo o que presenciar morre aqui. Seu apagamento será semanal, 20 euros, todos os cômodos da casa deverão estar limpos ao final de cada 3 meses. Seu único dia de folga é no domingo. Terá 3 refeições por dia. Seu turno de cada dia acaba as 10 da noite. A carruagem te traras e buscaras.
- Sim.
- Tenha um ótimo dia.

A noite se fez presente na cidade.
- Demetria, você irá trabalhar amanhã cedo pare de tocar esse piano! - Selena estava inconformada.
- O que está acontecendo aqui? - Sr. Weasly entrou no quarto. - Demi... - seu pai era o único que a chamava assim.
- Eu não consigo evitar...
- Se você ainda não desistiu, pequena, é porque sabe que vale a pena. Boa noite, minhas garotas. - o pai sorriu e foi deitar-se.
- Ha. - Selena bufou e foi dormir.
A noite não parecia tão sombria com a melodia. Demetria não dormia direito desde... O som de correntes sendo arrastadas pelo matagal não só ecoava em sua mente, mas a perturbava profundamente. O som do piano era o único que de fato a acalmava.

- Bom dia, Demetria. - Rubia estava elegante com o pescoço, braços, mãos cobertos de jóias. O vermelho destoava na mulher, com grandes seios, olhos marrons e um cabelo extremamente loiro. Não era de se surpreender que o magnata Sr.Wilson tenha casado com Rubia, que aparentava uns 40 anos.
Um rápido tour foi feito pela mansão.
- Comece por onde quiser. Aqui. - Rubia lhe deu um molho de chaves. - Você é a unica empregada que contem essas chaves, se algo acontecer você será responsabilizada. Existe alguns cômodos trancados. A maior chave é de seu quartinho que está entre a sala de música e a sala de jogos no segundo andar. Lá contem todos os equipamentos e produtos que precisar para limpar. Espere a respectiva pessoa do quarto se retirar para limpar. - a mulher ja se direcionava para a saída quando...- Demetria?
- Sim? - a menina se encontrava maravilhada.
- Nunca, em hipótese alguma, se direcione para a ala oeste. Nunca. Volto para o almoço.- assim se deu casa a fora.
O que teria na ala oeste? A garota não tinha tempo para perguntas, tem um grande trabalho pela frente. Um suspiro longo ecoou na sala. Enquanto caminhava até seu quartinho Demetria notou que havia vários empregados por toda a casa, cada um com sua função. Porém, era a unica empregada mulher. Isso a assustou um pouco.
Quando o relógio deu 12 badaladas a recepcionista abriu a porta para Sr. e Sra. Wilson, uma diferente jovem, um homem a qual se impressionara pela beleza e para a surpresa de Demetria, Sr.Somerhalder o detetive. Assim que todos se sentaram, Demetria se retirou do  local para o cômodo ao lado. O medo de ser vista pelo detetive a pressionou.
A comida foi posta na mesa da casa dos Wilson, o clima era extremamente perspicaz.
- Vamos direto ao assunto. - Sr. Wilson nunca gostou de rodeios. Um homem com aparência de 47 anos, com um nariz um tanto quanto batatudo, sua  calvicie era evidente apesar de ainda lhe restar um tufo negro de cabelo. Seu terno o deixava com uma postura alta, seus olhos amendoados eram fascinantes. - Qual a conclusão?
- Sr. Wilson, sua cidade abriga um serial killer. - a voz do detetive nunca soou tão decisiva.

                       *****
Amei todos os comentários! Os respondi na pagina dos comentários mesmo... OBRIGADA! 
Divulg.: http://mytoxicparadise.blogspot.com.br/

Comentem, gatas :3 beijos. 

14 comentários:

  1. Desculpe vc postou um comentário no meu blog, mas tu tem o mesmo nome que da minha melhor amiga que se chama Lívia Diniz Stramare ...
    É vc?
    Se for estou morrendo de saudades de vc, tu me abondonou :(((
    AAAAH PERFEITO, POSTA LOGO!

    ResponderExcluir
  2. Kkkkkkkkk e você tem o nome da minha. Será que é coincidência? Lari! Que saudades suas! Eu não te abandonei, amiga. Minha vida tava muito ocorrida e eu tive de dar uma fugida. Ai que saudades! Passa seu num pra mim? O meu é 4396958346! Manda SMS! To morrendo de saudades!

    ResponderExcluir
  3. OMG
    E agora??
    To tão curiosaa...
    PRECISO de mais um u.u
    haha
    Amandooo..
    Posta Logoo Baby
    Beijinhooos
    s2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkkkk segredo! Postarei assim que der. Beijos obrigada por tudo :3

      Excluir
  4. Ai Jesus tenh medo de serial Killer...Mais minha curiosidade e amor por essa fic não vão me deixar desistir de ler ela kkkkk
    Mais que eu tenho medo ah eu tenho
    Bjos Livi's

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn que fofa obrigada! Tentarei fazer não muito assustador em homenagem a voce. Ta? Obrigada. Beijos

      Excluir
  5. Força na peruca querida
    bota pra querar
    eu adorooo a fic
    não e qualquer serial killer que me faz desistir
    ui a corajosa kkkkkk
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Serio? Kkkkk então colocarei forca na peruca kkkkkkkk sua fofa! Obrigada... Sua corajosa :3 beijoa

      Excluir
  6. Yaaaaay serial killer na cidade \o/
    Estou super curiosa!!!
    Posta logo, beijos.

    ResponderExcluir
  7. Kkkkkkk saciarei sua curiosidade logo... Beijos

    ResponderExcluir
  8. Estou divulgando um blog de criticas de fanfics.
    Foi criado um blog de criticas de fanfics. Faz também betagem de capítulos e dá ideias para novas fanfics.
    Se quiser participar o link é este:
    http://criticasdefanfics.blogspot.pt/

    Beijos.

    ResponderExcluir